Comunicados

Resultado da reunião Ministério da Saúde a 17 de janeiro

A FENSE, à qual este sindicato pertence, reuniu, hoje, com a Ministra da Saúde e a Secretária de Estado do Trabalho e Emprego Público tendo-nos sido apresentado um projeto de alteração ao Decreto-Lei da Carreira de Enfermagem de 2009, alterações essas que não foram previamente negociadas pela FENSE, que em nada valorizam a enfermagem, motivo pela qual a rejeitamos.

As alterações ali previstas são insuficientes face às reivindicações dos enfermeiros.

Registamos como ponto positivo:

• A aceitação da atribuição de 1 ponto e meio por ano de desempenho, até 2014.

Como pontos negativos:

• O ministério não assumiu a passagem aos 1201 euros como um reposicionamento, mas sim como uma progressão;
• A não valorização do exercício profissional;
• Não melhora a remuneração dos enfermeiros mantendo o início da carreira nos 1201 euros;
• Anula o direito à negociação coletiva (ausência da possibilidade de negociar ACT).

O Governo pretende manter a situação atual e hipotecar o futuro dos enfermeiros.

Só aceitamos negociar a nossa proposta de ACT, pois é a que melhor serve os interesses da profissão.

Queremos um acordo que dignifique e valorize a profissão e que se aplique a todos os enfermeiros.

Aguardamos marcação de nova reunião para conclusão da negociação do nosso ACT.